segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

A tal da profissão



A certeza sempre fizera parte de sua vida. Ainda mais no que fizesse respeito ao seu futuro profissional. Olhando pelo lado de sua dedicação, esforço e realização, então, era mais concreto. Um misto de vontade própria, sonho, orgulho e objetivo.

Mas a realidade, enfim, começava a aparecer. O orgulho continuava a fazer parte de tudo isso. A vontade própria também. E o sonho? Ah este, sem dúvidas, reinava ainda mais. O objetivo? O objetivo foi pluralizado. Transformou-se em o-b-j-e-t-i-v-o-s, no plural mesmo! Mas a realidade, enfim, começava a aparecer.

Começava a aparecer porque já não bastava somente a vontade própria, o orgulho, o sonho e os objetivos. Era preciso mais. Muito mais. Era preciso um quê de profissionalismo (espera aí, mas isto ela sempre teve!). Profissionalismo de quem agora, realmente, era um profissional. Profissional não só na produção, apuração e o ‘diabo a quatro’. Profissional na hora de lidar com o chefe, com o subordinado e com quem mais fosse preciso. E olha que havia quem dissesse que ela jamais teria problemas com a tal da profissão. Mas é que a realidade, enfim, começava a aparecer.

E já que era assim, ela também precisava mudar. Renovar atitudes. Repensar conceitos. Restabelecer objetivos. Sonhar mais (ou menos, vai saber!). Ter vontade – simplesmente, vontade.

Ela que fizera tantos planos. Que sonhara tanto. Que tivera tanto orgulho de tudo que sempre... agora estava ali, desamparada, triste, temerosa, desiludida. (espera aí, isso não pode ficar assim!) E não vai ficar. Porque maior que os obstáculos são as oportunidades... E as oportunidades quem fazemos somos nós! Tenha expectativa sim. Sonhe sim. Tenha vontade própria sim. Restabeleça seus objetivos. E orgulhe-se! Já. Agora. E outra vez!

A realidade enfim, começava a aparecer. E daí? Daí que depende de você fazer tudo acontecer. E fazer valer todos aqueles sonhos. E todas aquelas vontades. E todos aqueles objetivos. E toda essa realidade. Por que não? Vamos! Já. Agora. E outra vez!

Se a realidade apareceu, aparecem agora também os últimos dias do mês de janeiro. Fevereiro vem aí. O mês do carnaval, da alegria, da felicidade. Você não tem uma proposta para si mesma? Cumpra-a! Aguarde. Aja! Já. Agora. E outra vez!

3 comentários:

Sueli disse...

Com certeza fevereiro vai ser O mês, e ela vai dar muitas risadas de suas conquistas, e vai manter-se sempre com o pé no chão, sempre correndo atrás.
Saiba que escrever é uma arte e vc é uma artista. Te amo.

edison disse...

Obrigado pela visita, pelos comentários e pelo link.
Seu blog é bem bacana também.
Beijos

Emerson Pancieri disse...

E o sonho vai continuar porque você ama a profissão que escolheu.
Só que nada é fácil e as barreiras sempre existirão. Quando elas chegarem sabe o que fazemos? Pulamos, saltamos...
E depois vem a alegria!!!
Sabe onde vai ser a comemoração??Já tem data e tudo...No Carnaval de Salvador!!!Claro, em fevereiro mês de várias realizações!!!